Billboard cita Lana Del Rey como uma das preferidas para cantar música-tema do próximo filme do 007

por / quinta-feira, 04 dezembro 2014 / Publicado emNotícias

Aftonbladet

Lista de desejos de James Bond: 5 artistas que deveriam cantar a música de abertura de “Spectre”.

Como diamantes, James Bond veio para ficar para sempre. O diretor de Skyfall (último lançamento da franquia 007), Sam Mendes, revelou o título da 24ª produção da franquia Bond, Spectre, que tem previsão de lançamento para o outono de 2015 (primavera para nós brasileiros).

Pela quarta vez, Daniel Craig – o sexto ator a incorporar Bond nas telonas – irá estrelar o filme, ao lado do ganhador do Oscar Christoph Waltz e das novas bondgirls Monica Bellucci e Lea Seydoux.

Mas há um elemento extremamente importante de Spectre do qual ainda não sabemos nada – quem irá cantar a música dos créditos de abertura?

Assim como o Martini “batido, e não mexido” de Bond e sua sagacidade seca, as músicas de abertura são uma parte igualmente importante da franquia. De Shirley Bassey a Carly Simon, de Paul McCartney a Duran Duran, de Tina Turner a Adele, esses artistas tornaram clássicas as músicas de Bond ao longo dos anos – caramba, Skyfall de Adele foi tão boa que ela até ganhou um Oscar.

Aqui estão 5 artistas que nós estamos morrendo de vontade de ouvir na música de abertura do novo filme de Bond:

Lana Del Rey: Sério, essa é muito fácil. Sua imagem retrô, voz sensual e contos sobre um romance condenado que envolvem qualquer um são perfeitos para Bond. Nós podemos facilmente imaginá-la gravando uma canção chamada “Espectro do meu Amor Mortal” (Spectre of My Dying Love) – com sua voz dolorida combinada à obsessão, luxúria e autodestruição.

Florence Welch: Faz um bom tempo desde a última vez que nós ouvimos algo sobre a vocalista do Florence + The Machine, e uma música para Bond seria o retorno perfeito para ela. Como Lana, ela expressa introspecção tingida com tristeza. Mas diferentemente de Lana Del Rey, ela tem uma voz que faz qualquer um estremecer, colocando-a ao lado de cantoras como Bassey e Adele, que já cantaram nos filmes de Bond. Bônus: ela é britânica!

Sam Smith: Historicamente, mais mulheres do que homens cantaram nas aberturas dos filmes de Bond – mas as canções delas tendem a ser melhores, especialmente quando levamos em conta os recentes esforços de Chris Cornell e Jack White. Mas Smith tem uma lágrima em sua voz, emprestando sua alma tingida com um tom gospel à vibe sombria de muitas das canções de Bond que fizeram sucesso. Ele nasceu para cantar uma música de Bond sobre ser irresistivelmente atraído pela pessoa errada. E mais, ele é britânico.

Lady Gaga: A melhor coisa de dar a Gaga a liberdade de cantar uma música para Bond é que você não saberia exatamente o que esperar dela. Enquanto você pode imaginá-la gravando uma canção melancolicamente poderosa, ela poderia também produzir uma faixa dance-pop sinistra como Madonna ou Duran Duran. Além disso, “Spectre” com certeza deve ser o nome da canção de Gaga, certo?

Mary J. Bigle: Ela não é britânica, mas poderia muito bem ser nos dias de hoje. Seu próximo álbum se chama The London Sessions  e conta com participações de peso como Sam Smith e a dupla dance Disclosure. De fato, uma balada sombria tingida de dance, produzida pelo Disclosure e com a participação de Bigle e sua voz agitada seria a materialização dos sonhos de Bond.

 

Por Joe Lynch
Traduzido por Alexandre Krause

Redação LDRA
Down on the west coast. They got a saying...
Tagged under: , , ,
TOPO