ANÁLISE | Young And Beautiful: uma canção intensa na melodia e na letra

por / quinta-feira, 25 julho 2013 / Publicado emAnálises, Colunas

Y&B

 

Young and Beautiful é dona de uma melodia de caráter um pouco obscuro e de uma letra incerta. A música fala de um amor selvagem e incondicional, mas que guarda uma grande incerteza em suas entranhas: “will you still love me when I’m no longer young and beautiful?”.

A melodia e a voz de Lana dão um tom melancólico na música e revelam o verdadeiro sentido das constantes repetições “I know you will” que na verdade não é a certeza e sim a incerteza. A personagem da música ama de modo tão absoluto que, mesmo não tendo certeza sobre o amor de seu parceiro, prefere acreditar que ele a ama do mesmo jeito para não sofrer ou ter que se desvincilhar dessa paixão.

 

Young and Beautiful é uma canção intensa na melodia e na letra, as quais se encaixam deixando-a melancólica. O clipe segue a mesma linha de intensidade e obscuridade da melodia e as expressões faciais de Lana acompanham perfeitamente a letra.

Essa é sem dúvidas uma música que pode ser dita como “clássico Del Rey”, pois ela mescla um romance feroz e alusão a Deus com uma perfeição donaire, grandes características da nossa queen.

PS: Um fato curioso, é que Elvis Presley também possui uma canção chamada Young and Beautiful, gravada em 1957 para o seu terceiro e um dos mais clássicos filmes, Jailhouse Rock. O rei do rock em um dos trechos da canção canta “you’re so young and beautiful…So take this heart I offer you, and never set me free. Then you’ll be forever young, and beautiful to me.” Pode ser apenas uma coincidência, mas desejo acreditar que Lana criou o cenário perfeito para um dueto entre um dos maiores ícones da música do século XX e XXI.

Por Bruna Barcelos 

Redação LDRA
Down on the west coast. They got a saying...
  • Igor Santos

    Que música linda, a do Elvis também <3

TOPO