‘Eu meio que gosto de tudo exótico’, veja a tradução da entrevista concedida à revista britânica Grazia

por / domingo, 19 fevereiro 2012 / Publicado emEntrevistas

Grazia

Lana deu uma entrevista para a Grazia Magazine e falou um pouco sobre seu estilo. Confira abaixo a tradução.

 

No backstage do show da Mulberry hoje, a Grazia conhece Lana Del Rey; sem dúvida uma das mais intrigantes celebridades atualmente aos olhos do público. Com aquele olhar penetrante de Video Games, o glamour recém-saído-de-um-ensaio-de-fotos e aqueles melancólicos estilos vocais, Del Rey aparece indiferente e terrivelmente sob controle, então é uma surpresa descobrir que ela tem uma altura média, é bastante tímida, e parece super jovem, quase como uma adolescente (ela tem 25 anos).

Pessoalmente, ela parece muito com uma jovem Julia Roberts, como uma fada da Disney; com aquele cabelo bege, uma beleza meio Bambi, ajudada por um sardento e empinado nariz e enormes cílios falsos que Del Rey diz que levou um “tempo” para aplicar.

Na verdade levou uma hora e meia para ela se preparar para a primeira fila; “para preparar meu cabelo (eu costumava usar rolos aquecidos mas agora eu uso um babyliss)…colocar base líquida…meu delineador…os cílios falsos…leva um tempinho para eu me tornar eu mesma“. Del Rey não usa vírgulas para falar “eu mesma”, mas ela deixa claro que a transforção de velha Elizabeth para o seu alter-ego Lana Del Rey é algo como uma troca de roupa.

Então quem sabia que Lana Del Rey tem vivido aqui em Londres “por mais ou menos dois anos. Eu fiz um terço do álbum aqui, meus empresários são daqui e eu amo meus empresários. Meus produtores estão na maioria aqui, eu encontrei um grupo talentoso de pessoas obscuras. Para esse álbum eles tinham que estar em contato com sua parte obscura!

Hoje, porém, Lana é muito feliz e não é de se admirar: “Eu estou hospedada aqui em cima (no Claridges)“. Lana também está feliz porque ela teve uma bolsa Mulberry com o seu nome, a “Del Rey”, uma bolsa-carteiro, bastante feminina e semi-estruturada. “Eu me sinto muito honrada” ela diz sobre o acessório que leva seu nome; “Eu estava falando com a Emma (diretora criativa da Mulberry)… e ela começou a ouvir ao meu álbum há seis meses atrás e realmente amou. E eu acho que nos entendemos porque eu tento e mantenho muito da minha integridade e não me comprometo liricamente ou sonoramente, e eu acho que ela se sente da mesma forma quando está fazendo design, então esperava que pudéssemos fazer algo juntas“.

Então Lana chegou, a convidada especial, na primeira fila do mais quente London Fashion Week, segurando sua própria bolsa; em pele de avestruz branca e fecho de ouro. “Emma sabia que eu realmente só uso branco e dourado no palco, e eu meio que gosto de tudo exótico, então aqui está a minha bolsa de couro de avestruz…e então você talvez tenha visto um par de bolsas na passarela? Então sim, é muito especial“.

E por que branco e dourado para roupas de palco? “Me faz lembrar do verão” ela diz, sonhadoramente “Eu sempre gosto de performar ao ar livre…como, perto da água, então…branco e dourado são sempre um bom look para isso“, ela ri, consciente.

Esse é o primeiro show da Lana no London Fashion Week, mesmo que ela tenha feito shows em Nova York. “Eu fui sortuda o suficiente para sentar ao lado da Azealia Banks e da Pixie Geldof, então…” Lana começa a rir “…nós nos divertimos. Não é difícil se divertir nesse desfile”.

Nada de um vestidinho e saltos altíssimos para Lana. Hoje ela está usando uma roupa que é meio “moleque-Winehouse”. Leal à marca, Lana está vestindo uma jaqueta de Baseball da Mulberry – cinza com mangas brancas – que ela declara “perfeita” (e realmente é). Por baixo, tem uma camisa branca abotada até o pescoço, “Brooks brothers…eu tenho cada uma de suas camisas”, “É tãão justo!” Eu digo, espantada com a cintura fina da camisa (e da Lana) “É 36! 36 de mulher…então é maior que o 36 normal” e calça jeans skinny de cintura baixa com um grande diamante detalhado em torno dos bolsos, “Eu não sei de onde esses jeans são…Eu roubei da minha irmã“.

Ela está usando também um sapato de couro de avestruz bege com uma corrente de ouro em volta do salto; “são os saltos novos da Rachel Zoe“. Sapatos sem salto? De alguma isso não combina com o estilo de Lana que é como uma estrela do cinema de 1950. Todos nós a vimos girando naquela performance do Saturday Night Live. Você usa sapatilhas frequentemente? “Sim, eu fico tonta usando salto“. Mas e todos esses ensaios? Nós sempre te vemos em saltos enorme! “Eu sei! E depois eu sou tirada deles ‘pelo ar’!”

Então como você descreveria o seu estilo? “Eu estive pensando ultimamente sobre influencias francesas e hip-hop pro meu álbum, então eu diria que Monaco do gueto“.

Ela é engraçada. Pergunte a Lana seu ícone de estilo britânico favorito e ela escolhe, não Kate Moss ou Middleton, ou Alexa, ou até Elizabeth mas “Mark Ronson”. Oi? “Eu gosto do Mark Ronson…ele sabe que gosto do estilo dele“. Quando pressionada, ela diz “Keira Knightley… é linda.”

Claro, o que Keira e Lana tem em comum são esses incríveis lábios carnudos. Para a maioria de nós não existe a esperança de conseguir esses lábios sem injeções, mas podemos tentar usar o seu batom. Del Rey revela “Minha amiga Pam tinha um monte de batons da YSL então eu comecei a comprar porque as capas são tão bonitas e as cores mais ainda, então eu comecei a comprar um monte de maquiagem dessa marca“. YSL, você acabou de ganhar na loteria (apesar de que, vamos aceitar, Lana Del Rey poderia ser contratada para tirar fotos de cosméticos agora). Então qual é sua escolha de cor da vez? “Eu acho que é um tom chamado Blond Ingenue“. Que perfeito.

Outra marca da beleza de Lana são as unhas; “Eu tenho que refazê-las” ela diz examinando suas mãos com tatuagens. Suas unhas são pontudas, e hoje estão pintadas de um vermelho metálico como um Corvette de 1950, com uma delicada linha dourada nas cutículas, que pode ou não ser sido feita por uma manicure. Os maquiadores do London Fashion Week já começaram a tentar copiar o estilo vampiresco das unhas da Del Rey essa semana, mas Lana diz “Eu as tenho desde os meus 17 anos“. Um look estranho para uma adolescente. “Ah sim, essas aqui são extremas“, ela sorri, “…como eu tendo a levar as coisas”.

 

Por Angela Buttolph
Traduzido por Ana Luiza Guimarães

Redação LDRA
Down on the west coast. They got a saying...
Tagged under:
  • Amanda

    Gostei que a matéria foi retomada e do empenho do site, além de soar peculiar apesar de tudo o que vimos da Lana. Mas a tradução está péssima.

TOPO